fbpx
Bezerro

Creep Feeding Como Ferramenta de Manejo Nutricional

O sistema de cria na produção de gado de corte tem como objetivo a produção de bezerros, sendo estes os únicos produtos do sistema. Considerando isto, obviamente constatamos que quanto maior o número de vacas parindo, em um mesmo ano, em uma determinada propriedade, melhor. Não podemos perder de vista que este sistema é sustentado exclusivamente sob condições de pastagem. Neste sistema dois personagens vão ditar as normas do jogo e definir o resultado da partida. São eles, a vaca e sua cria, o bezerro.

Desta forma, como personagens que atuam de fora do campo, e precisam influenciar o resultado, pecuaristas e técnicos não podem se esquecer que os dois necessitam de cuidados que permitam o máximo desempenho e nos dêem a vitória econômica. Assim, é fundamental a adoção de técnicas que aperfeiçoem o trabalho a ser feito pelas vacas e suas crias.

As vacas têm como função parir bezerros sadios, de preferência a cada 12 meses, e as crias, crescer de forma efetiva e atingir o máximo peso ao desmame.

E como diz aquele ditado popular “treino é treino e jogo é jogo”, portanto, temos que ser profissionais e aplicar no jogo as melhores técnicas que conhecemos. E uma das técnicas que funcionam muito bem neste jogo é conhecida como creep-feeding, ou seja, a suplementação dos bezerros e tão somente os bezerros, sem retirá-los da presença das mães, pois os dois jogam no mesmo time. Se esta técnica for bem aplicada e nosso time, as vacas e os bezerros aprenderem, e jogarem certinho, não dá zebra. Com certeza, ambos vão ter benefícios, ou seja, os bezerros vão depender cada vez menos do leite e as vacas se recuperam mais rapidamente para emprenharem novamente. Além disso, quando os bezerros forem desmamados estarão mais bem preparados para o jogo seguinte, a recria.

Em relação à aplicação do creep-feeding, é importante observar alguns detalhes que podem fazer grande diferença no resultado. Nem sempre o time que ataca mais ganha o jogo e, portanto, o uso do creep-feeding de forma inadequada também não garante a vitória. Entre estes detalhes destacamos alguns:

A praça de alimentação dos bezerros deve ficar próxima ao cocho de sal das vacas, ou de malhadouros, sombras ou fontes de água, ou seja, locais onde as vacas permanecem mais tempo;
Não deve permitir a entrada das vacas;
Deve permitir espaço de alimentação adequado a todos os bezerros do lote, que deve ser de pelo menos 6 cm em suplementos de baixo consumo.

O resultado econômico dependerá de alguns itens como preço do bezerro, e custo e conversão alimentar do suplemento. Outro detalhe, o consumo do suplemento pode variar em função da raça, da idade do bezerro, do clima, da qualidade da pastagem e até mesmo do tamanho do lote de vacas, mas isto não é problema, o importante é adotar a técnica de forma correta e usar suplemento de alta qualidade e bem balanceado. Normalmente os suplementos de baixo consumo dão melhor resultado econômico porque a conversão é melhor, e assim podemos ganhar o jogo. Agora é só entrar em campo, jogar e ganhar o campeonato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *